Dois suspeitos morrem em confrontos com a PM em Londrina; carro havia sido furtado em Cambará



Dois suspeitos morreram em confrontos com a Polícia Militar (PM) em Londrina, no norte do Paraná, na noite de segunda-feira (11). As ocorrências foram registradas na zona norte e na zona sul da cidade.

A primeira foi na Rua Francisco Merlo, no conjunto Aquiles Stenghel, na zona norte, por volta das 19h. Policiais faziam uma abordagem a três homens quando viram um quarto perto de uma casa, com uma arma de fogo.

De acordo com a PM, ao ser abordado, o suspeito correu para dentro da residência, e foi perseguido pelos policiais, que mandaram ele soltar a arma. No entanto, o homem apontou a arma para os agentes, que atiraram, ainda de acordo com a corporação.

O Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma em Emergência (Siate) foi chamado mas, ao chegar, a equipe constatou que o homem já estava morto.

De acordo com o Instituto Médico-Legal (IML) de Londrina, ele foi identificado como Paulo Jonatan de Souza Antunes, de 28 anos.

O outro confronto foi por volta das 22h, no Conjunto União da Vitória, na zona sul de Londrina. Policiais militares faziam o patrulhamento quando desconfiaram do nervosismo do motorista de uma caminhonete.

Os PMs iluminaram o interior do veículo durante a abordagem, e o homem apontou uma arma de fogo para eles. De acordo com a polícia, eles não tiveram alternativa e atiraram contra o suspeito, que morreu no local.

Segundo a polícia, o carro havia sido furtado em Cambará, no Norte Pioneiro do estado. O veículo foi levado junto a arma de fogo apreendida para a Central de Flagrantes.

O IML identificou o homem como Leandro Leal, de 35 anos. Ainda conforma a polícia, ele usava tornozeleira eletrônica.

#Manchete #Geral

Já nos segue nas redes sociais: Instagram, Facebook, Twitter e Youtube

Rua Coronel Batista, 595, centro
Jacarezinho-PR - CEP 86400-000

O conteúdo do PortalJNN é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.

Whatsapp
E-mail

PortalJNN - A informação com ética e credibilidade desde 2007.